Brasil
Acesso à Informação

Nova edição da revista 'Memórias' apresenta pesquisa sobre arboviroses na Região Amazônica

Pesquisadores estudam método molecular para detecção simultânea dos vírus Oropouche e Mayaro

13/07/2017
Por IOC/Fiocruz | Foto: Raquel Portugal e Rodrigo Méxas


O diagnóstico de arboviroses é um dos temas em pauta na edição de julho da revista Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, que acaba de celebrar o índice recorde de fator de impacto, consolidando a posição de publicação científica mais citada da América Latina.

Realizado por pesquisadores da Fiocruz Amazônia, Instituto Evandro Chagas (IEC) e Universidade do Estado do Pará (Uepa), um dos estudos publicados no periódico apresenta um método molecular para detecção simultânea dos vírus Oropouche e Mayaro. Como as duas viroses transmitidas por insetos ocorrem ao mesmo tempo na Região Amazônica e provocam sintomas semelhantes aos da dengue, chikungunya e zika, pode haver dificuldades no diagnóstico clínico. Os cientistas desenvolveram um teste com alta sensibilidade e especificidade para detectar o material genético dos vírus Oropuche e Mayaro, com base na metodologia de PCR multiplex.

Leia o artigo na íntegra aqui no Portal de Periódicos Fiocruz. O acesso às revistas científicas editadas pela Fiocruz é aberto e gratuito.

Este portal é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento, que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.